Seminário Internacional: a Dimensão Social da Formação Profissional

October 28, 2017

O Seminário Internacional “A DIMENSÃO SOCIAL DA FORMAÇÃO PROFISSIONAL – após 47 anos do Taller Total na FAU – UNC, 1970-1975”, tem como objetivo proporcionar o intercâmbio de experiências da relação entre formação e prática profissional em países da América Latina, com ênfase na relação ensino-sociedade, o que inclui, entre outras, práticas extensionistas.”

 

O Evento

 

Sendo esse o terceiro evento com essa temática, porém dessa vez realizado no Brasil, está clara a importância de debatê-lo e unir conhecimentos e reflexões acerca dele, principalmente no momento histórico em que vivemos e dentre os ideais que buscamos.

 

A temática e a oportunidade de publicação de um artigo em nome do escritório modelo (pensando nesse objetivo debatido no SeNEMAU Anápolis pelos EMAUS) como uma forma de validar ainda mais sua atuação no meio acadêmico, visto o renome da pesquisa no mesmo, foram os principais chamarizes que despertaram o interesse no Taller.

 

Para mais informações sobre o evento, consulte: https://dsfpbrasil.wixsite.com/dsfp-seminariobrasil

 

Nosso Trabalho

O trabalho de pesquisa que desenvolvemos e apresentamos visa discutir a importância do escritório modelo nas faculdade de arquitetura e urbanismo reafirmando a importância da prática extensionista como fundamental para o aprendizado, pensando no tripé ensino, pesquisa e extensão. Para tal foi usado como estudo de caso o Seminário Nacional dos Escritórios Modelos de Arquitetura e Urbanismo (SeNEMAU) realizado em São Paulo no ano de 2015 pelos membros do Mosaico na época.

 

Através dele buscamos entender como se dá a relação da prática com o ensino, não só pelas nossas vivências, mas também por vivências nacionais, visto que o seminário reúne escritórios modelo de todo o país sob uma temática envolvendo o local cede. Nosso principal questionamento era se realmente a extensão tinha o caráter de resistência estudantil e de luta social como acreditávamos ter e víamos nas práticas do mesmo. Assim a experiência do mesmo foi apresentada no dia 26 deste mês.

 

Discussões

Dois momentos de discussão foram fundamentais, o primeiro, quando apresentamos o projeto no evento junto com outros 2 trabalhos, o de cursinho popular da USP e de um conjunto de estudantes da Universidade de La Plata.

 

As apresentações foram agrupadas pela similaridade de temas o que foi de grande importância para engrandecer as trocas e agregar ao artigo que ainda estava em desenvolvimento. Assim foram abordadas questões como o número de membros em um grupo sem retorno instantânea (como notas ou salário) e como mantê-los envolvidos em uma causa diante das pressões que a universidade coloca, o número de inscritos na universidade, o apoio dos professores e a rotatividade na representação.

 

O segundo momento foi durante o processo de realização do artigo, nossas pesquisas de referência nem sempre nos levavam as respostas que queríamos, o processo de investigação do evento se mostrava mais intenso e detalhado, diversas vezes nos vimos sobrecarregados pelas tarefas acadêmicas e questionamos nossa posição como estudantes nesse papel de protagonistas não só da formulação de conhecimento como na atuação junto a sociedade civil. Todas essas questões, nem sempre resolvidas, nos motivaram e tem como resultado direto o artigo desenvolvido.

 

De tudo isso, o que nós levamos para o Escritório Modelo?

Quando se coloca o tripé de ensino, pesquisa e extensão é preciso entender a atuação dele, a pesquisa principalmente visa identificar problemas da sociedade e entende-lo a fim de obter soluções a extensão por outro lado seria a responsável por aplicar os conceitos pesquisados e assim unir teoria à prática.

 

Quando um projeto de extensão desenvolve uma pesquisa é possível se inteirar ainda mais das causas e nuances do problema da sociedade e assim potencializar sua atuação. O desenvolvimento do artigo foi fundamental para olhar com outros olhos aquilo no qual estamos imersos, que é a extensão, desse modo pudemos nos situar mais da responsabilidade e dimensão do trabalho que desenvolvemos.

 

Por fim não só o conteúdo como o processo de pesquisa foi fundamental para nós do Mosaico e esperamos que também o seja para outros EMAUS e leitores.

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Curso LabLaje: Dimensões do Intervir em Favelas, Desafios e Perspectivas

February 24, 2018

1/3
Please reload

Posts Recentes

November 13, 2017

August 15, 2017

Please reload

Arquivo
Please reload

© 2017 Mosaico - Escritório Modelo da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo Mackenzie

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now